Comunicados de imprensa

Grupo José de Mello conclui venda de 40% da Brisa

13/10/20

O Grupo José de Mello concluiu hoje a alienação de uma participação de cerca de 40% dos direitos de voto da Brisa, na sequência de um acordo de venda anunciado publicamente no dia 28 de abril.

O acordo celebrado com um consórcio de investidores internacionais consubstancia uma parceria estratégica com o Grupo José de Mello, que se mantém como acionista de referência na Brisa, detendo cerca de 17% dos direitos de voto.

Com a entrada de um novo acionista maioritário na Brisa, será nomeado um novo Conselho de Administração, que continuará a ser presidido por Vasco de Mello, e uma nova Comissão Executiva, presidida por António Pires de Lima.

O Consórcio comprador tem uma vasta experiência na gestão de empresas de infraestruturas e uma visão de longo prazo nos investimentos que realiza e é constituído por três investidores institucionais, nomeadamente a APG (gestora de ativos do fundo de pensões dos funcionários públicos e do setor da educação nos Países Baixos), o NPS (serviço nacional de pensões da República da Coreia) e a Swiss Life AM (gestora de ativos do ramo vida da maior seguradora suíça).

“O Grupo José de Mello mantém o compromisso de continuar a contribuir para o sucesso da Brisa enquanto empresa financeiramente sólida, sustentável e relevante no contexto da economia portuguesa. A dimensão das três entidades que integram o consórcio comprador, a visão de longo prazo nos investimentos realizados e a experiência acumulada no setor das infraestruturas permitirão à Brisa prosseguir os seus planos de crescimento e desenvolvimento.”, considera Vasco de Mello, presidente do Grupo José de Mello.

A concretização deste negócio reforça o estatuto da Brisa como empresa de referência internacional no seu setor de atividade, confirma a sua solidez financeira e reconhece o bom desempenho de gestão do Grupo José de Mello.